Firefox | Flathub Dicas

O navegador preferido de muitas distribuições Linux está no Flathub mantido pela Mozilla!

Este Flatpak é mantido diretamente pela Mozilla e é distribuido diretamente por sua infra (link da fonte) um pouco diferente de outros Flatpak’s do Flathub. Significa também que terá updates muito rapidamente.

Obtenha acesso irrestrito à web, combinando recursos e extensões de privacidade integrados com desempenho incrível.

Características:

  • Um mecanismo poderoso que é construído para alto desempenho, não importa quantas guias você está alternando entre
  • Proteção automática de privacidade para proteger seus dados pessoais contra mais de 2.000 rastreadores online
  • Carregamento mais rápido da página, bloqueando anúncios e scripts prejudiciais que sequestram sua experiência de navegação.

Uma conta para sincronizar tudo!

Acesse facilmente senhas, favoritos e muito mais em todos os seus dispositivos. Além disso, use o recurso Enviar guias para compartilhar instantaneamente as guias abertas entre a área de trabalho, celular e tablet.

Nunca rastreamos, coletamos ou armazenamos seus dados pessoais. O navegador Firefox é feito pela Mozilla, os campeões sem fins lucrativos de uma Internet saudável. A Mozilla também aborda questões como privacidade, desinformação e trolling, investindo em bolsas, campanhas e novas tecnologias projetadas para tornar a internet um lugar mais saudável e aberto a todos.

O Firefox via Flathub, além de receber updates rapidamente, também vem com codec’s já disponíveis, ou seja, será compatível com servicos como Netflix, Youtube, Twitch.tv etc..

Habilitar conteudo DRM é fácil via preferências:

Via Flatseal, podemos verificar suas permissões padrão:

Algumas alterações que faço e talvez possa ser interessante para quem usa Wayland (pois no momento vem configurado para rodar via XWayland/X11):

Primeiro, em “Socket” troco a chave para Wayland:

E “environment” adiciono a variavel:

GDK_BACKEND=wayland

PLUS:

Dou permissão em “Filesystem” a pasta “Imagens”:

Então basta reabrir o app e em “about:support” pode conferir em “Protocolo de janelas” estará “wayland”:

Para voltar ao modo original sem as modificações e permissões, basta clicar no botão “Restaurar” no Flatseal:

Então voltará para modo “xwayland” (caso esteja usando sessão Wayland):

Se quiser pode fazer todo este procedimento de permissões via CLI (veja a documentação para mais detalhes):

Para verificar suas permissões padrão, primeiro o comando:

flatpak info --show-permissions org.mozilla.firefox

Para rodar o Firefox full Wayland:

sudo flatpak override --env=GDK_BACKEND=wayland --socket=wayland --nosocket=x11 org.mozilla.firefox

Para dar permissão a pasta imagens:

sudo flatpak override --filesystem=xdg-pictures org.mozilla.firefox

Após os comandos, pode consultar novamente permissões:

Ao abrir o Firefox, em “about:support” verá em “protocolo de janelas” o “wayland” da mesma forma anterior.

Para dar um reset nas permissões via CLI:

sudo flatpak override --reset org.mozilla.firefox

Se você não tem o Flatpak + Flathub no seu sistema, veja isto.

Para instalar acesse sua GNOME Software/Discover/central de software da sua distribuição ou terminal:

flatpak install flathub org.mozilla.firefox

Se deseja me dar sugestões, mande para fastos2016@gmail.com ou nas redes sociais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: